Menina, nem te conto!

Quer participar do ‘Menina, nem te conto’? Envie sua história para falecomamulherde30@gmail.com ou entre em contato.

Menina, nem te conto! Um final quase infeliz

Enviado por Mulher de 30 em . Publicado em Menina, nem te conto! Sem comentrios

Eu fui convidada pra cantar num casamento e a noiva convidou o cunhado maravilhoso dela pra cantar também. Me encantei desde o primeiro dia com aquele guri gato, barbudo e com a voz maravilhosa.

Durante os preparativos pro casamento, eu, que tenho uma risada espalhafatosa e sou mega desastrada mantive a pose de garota educada e comedida porque o gato era super tímido, educado, falava baixo…

Tudo bem até que o casamento passou e as desculpas pra encontrar o boy também.

Já triste pelo fim dos “encontros” por causa dos ensaios, o gato me chama pra sair e marcamos em um shopping pra jantar.

Tudo corria bem, eu não havia dado uma gargalhada escandalosa nem havia derrubado nada até a hora de ir embora.

Já estava feliz achando que pela primeira vez num primeiro encontro tinha sido tudo perfeito e tinha conseguido deixar uma ótima impressão.

Pagamos o estacionamento e o gato foi me deixar no carro. Um mais tímido que o outro, demorou horrores até que saiu um beijo. Ficamos só nos beijinhos, mas quando percebemos já eram 3h da manhã, nossos tickets de estacionamento não valiam mais pois a tolerância era de 15 minutos e de quebra não havia mais guichê aberto pra pagar o estacionamento.

Junto com isso a vergonha de os seguranças olhando nossa cara perguntando o que estávamos fazendo até aquela hora no estacionamento do shopping e a gente dizendo que estava conversando e eles rindo da nossa cara sem acreditar.

Enquanto ele tentava nos tirar de lá, eu estava tão constrangida e nervosa que comecei a chorar. Achei que ele nunca mais fosse querer sair comigo por causa do final desastroso.

Depois de quase uma hora ele resolveu o problema e enfim saímos.

Fui pra casa arrasada, chorei horrores, jurava que dali não sairia nada. Que nada menina, o boy não só continuou falando comigo como saímos muitas vezes depois disso, começamos a namorar e até nos casamos.

No final descobrimos que apesar da timidez inicial, eu rio alto e ele é super palhaço, eu sou desastrada e ele super esquecido.

Agora não precisamos mais fingir que somos educados e comedidos. Nos completamos até nas loucuras.

Bjs
Elizabete

Trackback from your site.

Menina, nem te conto! O jacaré voador

Enviado por Mulher de 30 em . Publicado em Menina, nem te conto! Sem comentrios

Há alguns anos eu tive um namoro conturbado, desses que tiram a pessoa do sério, com muitas brigas e discussões, idas e voltas. Num período pacífico do namoro ele me deu um jacaré de pelúcia bem fofo de presente, já que eu não curtia ursinhos. O jacaré era meu xodó e vivia agarrada nele. Realmente adorava aquele bichinho!

Um dia o namorado me aprontou um desaforo tão grande e me deixou com tanto ódio que num acesso de fúria joguei o jacaré pela janela do apartamento, porque foi a primeira coisa do cretino que encontrei pela frente. Só que isso aconteceu as três da tarde e o apartamento ficava acima de uma mercearia numa rua muito movimentada da cidade. Na hora da raiva esqueci deste detalhe.

Alguns minutos depois tocou a campainha de casa. O vizinho apareceu para me devolver o jacaré. Ele viu o bicho voando pela minha janela! Aí pra me justificar disse que meu sobrinho é que tinha jogado o jacaré, mas o bebê ainda nem engatinhava nessa época! Hahahahahahaha

Enfim, o jacaré voltou para casa, mas o namorado não. Até hoje quando vejo um jacaré de pelúcia eu rio dessa história.

Beijos, meninas
Priscila

Trackback from your site.

Menina, nem te conto! Entre dois amores

Enviado por Mulher de 30 em . Publicado em Menina, nem te conto! Sem comentrios

Certa vez, eu estava saindo com um cara, advogado, bem sucedido, não muito bonito, mas gente boa. Eu estava com ele porque minha amiga estava com o amigo dele. Nesse meio tempo, conheci um gatoo. Estilo capa de revista, forte, cabelo arrepiado da moda, e acabei ficando com ele.

Dias depois, fui ao escritório do advogado resolver um assunto, nos beijamos e sai. Na saída encontrei o tal gato chegando lá…
Descobri que era sobrinho do advogado.

Resultado: Fiquei sem os 2. 😕😂😂
Como diz minha mãe: ˜Quem muito quer, nada terá˜!

Beijos,
Denise

Trackback from your site.

Menina, nem te conto! Piriri na farmácia

Enviado por Mulher de 30 em . Publicado em Menina, nem te conto! 1 comentário

Estava grávida e sai com a minha avó para comprar as últimas coisas para a minha casa nova. Quando estávamos passando por uma farmácia senti uma dor de barriga terrível.

A minha avó pediu para eu usar o banheiro, lhe disseram que não podia ser utilizado pelos clientes, mas como eu estava grávida fizeram uma exceção. Eu tive um piriri tremendo e quando fui dar a descarga, aquelas de cordinha… Ela arrebentou.

Grávida com os hormônios a flor da pele comecei a chorar e não conseguia sair do lugar, a minha avó percebendo a demora foi ver o que tinha acontecido.

Quando ela viu a cena falou: “espera o sinal”. e pediu para o balconista pegar algo do outro lado. Assim que ele virou, ela deu um sinal e saímos fugidas da farmácia kkkkkkkkkkkkkkk.

Isso faz 18 anos e até hoje não consigo passar em frente ao lugar…

Beijos
Erika

Trackback from your site.

Menina, nem te conto! Uma história triste

Enviado por Mulher de 30 em . Publicado em Menina, nem te conto! 4 comentários


Bom dia
Minha história daria várias novelas kkkkkkkk
Resumindo a pior parte delas…

Eu tinha uma linda história de amor, onde éramos muito apaixonados, todos diziam isso, que éramos feitos um para o outro. Moramos juntos e resolvemos marcar o casamento, onde eu batalhei muito para pagar, trabalhava de segunda a segunda. Estávamos muito ansiosos para ir morar na nossa casinha.

Um belo dia indo para o trabalho eu sofri um acidente de moto. Quase morri, fiquei 3 meses na cama tomando banho de paninho, morrendo de medo de não dar tempo de andar para o casamento.

As coisas foram ficando apertadas pois eu estava afastada. Sai da cama e fui para cadeira de rodas e depois muleta.
Meu noivo foi ficando estranho e faltando 2 meses para o casamento ele não quis mais.

Seis meses depois ele começou a namorar, mas ainda vinha atrás de mim, dizia que me amava e que eu sempre seria a mulher da vida dele, mas que eram os planos de Deus que não ficássemos juntos.

Ele casou em Dezembro.
E depois disso eu não consigo mais me relacionar. 🙁
Acho que é isso.

Beijos, leitora triste

>> Nosso recado para a leitora triste:
Nós da Mulher de 30 desejamos a você um novo amor no futuro e muita felicidade! 🙂 <3 Um beijão

Trackback from your site.