O que realmente importa

Enviado por Vanessa Sanseverino em . Publicado em Altos Papos

Olá meninas…

Quem nunca se olhou no espelho e pensou naquele cara que você gostava tanto, mas que um dia resolveu deixar a vida seguir e se perguntou:
Será que ele me excluiu da vida dele?
Se você está se fazendo essa pergunta agora… Acho que a resposta já fica meio clara…
Quem gosta… Gosta e por mais que exista algum motivo para que a vida siga… Acredito que também se gosta de longe de quem não se pode gostar de perto.
E quando a gente gosta a gente liga, nem que seja pra saber se o outro sobreviveu, manda mensagem, whatsApp, sinal de fumaça…
Vamos combinar…
Ninguém sofre de Alzheimer prematuro…
E quando eu penso nisso, é inevitável lembrar de outra frase que diz:
Quem muito se ausenta uma hora deixa de fazer falta…
É isso aí… Pode acreditar…
Por mais que a gente goste…
Chega um dia que você volta a se olhar no espelho e ao invés de perguntar se ele te excluiu da vida dele.
Você vai se perguntar por que você acabou se excluindo de viver.
E quando esse dia chega você começa a acreditar que o que importa é estar de bem com a vida, é gostar de quem gosta da gente…
Afinal vamos combinar existe coisa mais gostosa do que do nada o seu celular vibrar com uma mensagem de alguém que realmente se importe com você?
Por isso… Acredite…
A resposta está em se cuidar… Se abrir ao invés de fechar… E ter certeza de que a vida é muito mais bacana quando a gente se dá ao direito de viver…
Afinal como eu sempre digo: O grande lance dessa vida é ser feliz!!!

Comente com o Facebook

comentário(s)

Trackback from your site.
Vanessa Sanseverino

Vanessa Sanseverino

Psicóloga, apaixonada por livros, filmes e música. Adora contextuar e unir as suas paixões com a psicologia e trazer isso para as nossas situações inusitadas de cada dia. Um pouco introvertida às vezes, cheia de ideias e acreditando sempre que o grande lance dessa vida é ser feliz.

Comentários (9)

  • Gabriela Valque

    |

    É realmente, também acho que o importante é você estar com paz de espiríto e feliz, sem se importar com os que os outros acham!!

    Tinha uma amiga que era simplesmente fissurada na ideia de como seduzir um homem na cama … Ela mudava seu comportamento, sua roupa, agia sempre focada em fazer homens ficarem seduzidos por ela, era o unico jeito que ela tinha para se sentir confiante.

    Só depois que ela machucou seus sentimentos que ela percebeu que a verdadeira felicidade está dentro de todas nós!

    Parabéns pelo post!!

    Responder

  • Priscila

    |

    Belo texto, esse é um erro que a maioria das mulheres cometem. Acham porque perdeu o cara que acabou o mundo, entra em depressão achando que quem foi errada na relacionamento foi ela.

    Responder

  • Adri Abreu

    |

    Amei seu texto!!!
    Expressa muito bem o que muitas mulheres precisam aprender: a se amar mais, a se valorizar mais e dar valor a quem lhe dá valor. Sofrer menos por quem não vale a pena!

    É isso aí.

    Parabéns!
    Beijinhos

    Responder

  • Ana Lucia

    |

    com certeza minha linda, já passei exatamente por isso e concordo com tudo que disse. Mas depois de vários transtornos nos relacionamentos hoje estou mais forte e de bem com vida… as decepções servem para fortalecer.

    Responder

  • Danilelo

    |

    Muito interessante esse post, com certeza várias mulheres se identificaram com essa situação em algum momento. Se quiserem SABER O QUE OS HOMENS REALMENTE QUEREM, acessem: http://cursometododalibido.com

    Responder

  • natalia

    |

    com certeza as decepções servem para nos fazer mais fortes, e aquele paragrafo que diz que você ao se olhar no espelho se conta que realmente se excluiu da vida, é nesta hora que a ficha cai, e você se da conta que a vida continua, mas agora com muito mais sabedoria e maturidade.

    Obrigado, gostei muito

    Responder

  • Valdo

    |

    Eu estava bem distante da minha esposa, o meu trabalho me tomava muito tempo, trabalhava até tarde da noite, e isso foi nos prejudicando de tal forma que nós quase terminamos, eu não conseguia dar a atenção necessária pra ela, então resolvi trocar de emprego, hoje graças a Deus nós temos tempo pra namorar sair e se divertir, e com certeza estamos mais felizes

    Responder

  • Nadia Cardoso

    |

    Vanessa,

    Amei a parte do trecho “Chega um dia que você volta a se olhar no espelho e ao invés de perguntar se ele te excluiu da vida dele.
    Você vai se perguntar por que você acabou se excluindo de viver.”, pois foi exatamente o que aconteceu comigo.

    Acabei por ficando meio “depressiva” tratando minha família com palavras rudes, tudo por causa de um cara que fiquei na esperança de um dia voltar.

    Responder

Deixe um comentário